Veja sinopses e trailers das estreias e pré-estreias

J. Edgar - pontocedecinema.blog.br

Leonardo DiCaprio no papel de J. Edgar Hoover, filme de Clint Eastwood esnobado pelo Oscar

Um fim de semana para não esquecer: além da estreia (sexta, 27/1) dos “oscarizáveis” Os Descendentes (forte concorrente a melhor filme e tendo George Clooney como favorito a melhor ator) e Millennium – Os Homens Que Não Amavam as Mulheres, temos outros, que figuram na lista do Oscar, em pré-estreia: o iraniano A Separação, que ganhou o Urso de Ouro em Berlim, no ano passado, e Histórias Cruzadas.

Mas prefiro destacar a estreia de J. Edgard, o novo filme de Clint Eastwood, que, esnobadíssimo pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood, aparece como o primo pobre nessa história toda. Narra a trajetória do polêmico J. Edgar Hoover, interpretado por Leonardo DiCaprio, que por quase cinco décadas comandou com mão de ferro o FBI, enquanto mantinha uma obscura relação com o seu companheiro e homem de confiança, Clyde Tolson, interpretado por Armie Hammer.

Leia a seguir as sinopses, conforme enviadas pelos exibidores, e veja os traileres dos filmes. Para saber mais sobre as estreias e pré-estreias, os filmes que continuam em cartaz, exibições e mostras especiais, além do horário, consulte Em cartaz, ao lado.

ESTREIAS
J. EDGAR (J. Edgar)
De Clint Eastwood. EUA,12. 2:15. 16 anos. Com Leonardo DiCaprio, Naomi Watts e Judi Dench. Cinebiografia sobre o ex-diretor do FBI por 48 anos, J. Edgar Hoover, que mostra tanto sua escandalosa carreira, marcada por uma administração dura do FBI e casos de chantagem, quanto seu duradouro romance com Clyde Tolson. Do diretor de Menina de Ouro e Invictus.

MILLENNIUM – OS HOMENS QUE NÃO AMAVAM AS MULHERES (The Girl with the Dragon Tattoo)
De David Fincher. EUA, Suécia, Inglaterra, Alemanha, 11. 16 anos. Com Daniel Craig, Rooney Mara e Christopher Plummer. Remake da produção sueca que adapta o primeiro livro da trilogia Millennium, do jornalista Stieg Larsson. A história gira em torno de Harriet Vanger, que, quarenta anos atrás, desapareceu misteriosamente na ilha em que vivia com sua rica família. O tio da moça, o industrial Henrik Vanger, acredita que ela foi assassinada, e que o assassino está dentro de sua própria família. Concorre ao Oscar de melhor atriz, melhor edição, melhor fotografia, melhor edição de som e melhor mixagem de som.

OS DESCENDENTES (The Descendants)
De Alexander Payne . EUA, 2011. 12 anos. Com George Clooney, Shailene Woodley, Amara Miller e Nick Krause. Adaptação do primeiro romance escrito por Kaui Hart Hemmings, a história gira em torno do milionário havaiano Matt King que, após a morte da esposa Elizabeth num trágico acidente de barco, junta-se às duas filhas numa viagem de Oahu até Kauai. O principal objetivo da jornada é tentar reaproximar-se das duas jovens e manter a união de sua família. Concorre no Oscar a melhor filme, melhor ator, melhor diretor, melhor edição e melhor roteiro adaptado.

PRECISAMOS FALAR SOBRE O KEVIN (We Need to Talk About Kevin)
De Lynne Ramsay. Inglaterra, EUA, 2011). 16 anos. Com Tilda Swinton, John C. Reilly e Ezra Miller. Eva deixou a sua vida profissional e as suas ambições profissionais de lado para dar à luz Kevin. A comunicação entre mãe e filho começa logo cedo a ser muito complicada. Quando chega aos 16 anos de idade, Kevin comete um crime irreparável. Eva fica despedaçada entre a culpabilidade e o seu sentimento materno.

SERRA DO QUEIMADÃO – UMA COMUNIDADE QUILOMBOLA
De José Carlos Torres. BRA,12. 1:05. Livre. História da comunidade que vive na região da Chapada Diamantina, remanescente de africanos escravizados na Bahia, a partir da história de seus moradores. O documentário aborda as tradições e raízes culturais da comunidade e do povo brasileiro.

UM DIA (One Day)
De Lone Scherfig. EUA,11. 1:50. 12 anos. Com Anne Hathaway e Jim Sturgess. Dexter e Emma se conheceram na noite em que se formaram na Universidade de Edimburgo em 1988 e concordaram em manter a amizade e visitar um ao outro na mesma data todos os anos para ver como estão suas vidas. Embora ambos passem por diversos envolvimentos românticos, eles têm uma ligação especial que não conseguem explicar. Da diretora de Educação.

PRÉ-ESTREIAS
À BEIRA DO ABISMO (Man on a Ledge)
De Asger Leth. EUA, 2012 . 14 anos. Com Elizabeth Banks, Sam Worthington, Jamie Bell, Ed Harris. Um ex-policial (Sam Worthington) procurado pela justiça resolve se matar pulando do alto de um prédio de Nova York. Uma vez notificada, a polícia da cidade se mobiliza para tentar impedir que ele acabe com a própria vida, levando para o local inclusive uma policial psicóloga (Elizabeth Banks) especialmente requisitada por ele. O que ela percebe, à medida que conversa com o homem no parapeito do prédio, é que tudo o que está acontecendo ali parece cada vez mais um jogo de cena, mas, para acobertar exatamente o quê?

A CRIANÇA DA MEIA-NOITE (La Permission de Minuit)
De Delphine Gleize. FRA,11. 1:50. 12 anos. Com Vincent Lindon e Emmanuelle Devos. Romain é um adolescente de 14 anos que não pode se expor à luz solar, devido a uma rara doença. Ele e seu médico desenvolvem uma forte relação, mas Romain precisa se adaptar agora a uma médica, porque o seu amigo vai ser transferido. Seleção do Festival Internacional de Cinema de Salvador 2011.

AS MULHERES DO 6º ANDAR (Les Femmes Du 6ème Étage)
De Philippe Le Guay. FRA,11. 1:45. 16 anos. Com Fabrice Luchini e Carmen Maura. Paris dos anos 60. A vida de um casal conservador é virada de cabeça para baixo com a chegada de duas governantas espanholas ao prédio onde moram. Seleção Oficial do Festival de Berlim 2011.

A SEPARAÇÃO (Jodaeiye Nader az Simin)
De Asghar Farhadi. IRÃ,12. 2:00. 12 anos. Com Peyman Moaadi e Leila Hatami. Início do século XX: Nader e Simin divergem sobre a possibilidade de deixar o Irã. Simin quer deixar o país para dar melhores oportunidades a sua filha. Nader, no entanto, quer continuar no Irã para cuidar de seu pai, que sofre do Mal de Alzheimer. Concorre ao Oscar de melhor filme estrangeiro e melhor roteiro original.

HISTÓRIAS CRUZADAS (The Help)
De Tate Taylor. EUA, Índia, Emirados Árabes, 2011. 10 anos. Com Emma Stone, Viola Davis, Bryce Dallas Howard, Octavia Spencer e Jessica Chastain. Ambientando no Mississippi durante os anos de 1960, Skeeter (Stone) é uma jovem da alta sociedade sulista que retorna para casa após a universidade e está disposta a se tornar uma escritora. Mas ela acaba surpreendendo tanto os amigos quanto a população da sua cidade quando decide entrevistar mulheres negras que passaram a vida como empregada de famílias brancas. Concorre a melhor filme, melhor atriz e melhor atriz coadjuvante.