Não seriam os bailarinos de Pina 3D os anjos de Asas do Desejo?

Pina 3D - pontocedecinema.blog.br

PINA 3D – Wim Wenders faz mais que uma homenagem a Pina Bausch. Ele entra no coração e na mente dos bailarinos da coreógrafa alemã que morreu em 2009. Não é novidade, a distinção, porquanto o cineasta alemão é um mestre na reverência a grandes artistas, como fez, praticamente no leito de morte, com o cineasta norte-americano Nicholas Ray (1911-1979), em O Filme de Nick (1980). Nick’s Film é uma obra rara, de fôlego, como esse Pina 3D, em que Wenders se utiliza da nova tecnologia, sutilmente, envolvendo-nos em um espaço físico, geográfico, marcado em sua cadência pelo sentido de transversalidade. Oblíquo, em diagonal, nos impõe um mergulho no tempo e na memória de Pina Bausch. Entramos aí em uma nave incialmente pilotada pelo Alain Resnais de Hiroshima, Meu Amor (1959) e O Ano Passado em Marienbad (1961). Não seriam os bailarinos de Pina 3D os anjos rebeldes, extremamente humanos e visionários, de Asas do Desejo (1987)?

FICHA TÉCNICA
Diretor: Wim Wenders
Produção: Gian-Piero Ringel, Erwin M. Schmidt, Wim Wenders
Roteiro: Wim Wenders
Fotografia: Hélène Louvart
Trilha Sonora: Thom
Duração: 106 min.
Ano: 2011
País: Alemanha/ França/ Reino Unido
Classificação: 12 anos