Leonardo DiCaprio na Sala Walter da Silveira

 

pontocedecinema.blog.br

O ator em Ilha do Medo, de Martin Scorsese, um dos filmes da mostra Foto: Divulgação

A Mostra Leonardo DiCaprio: Enquanto o Oscar Não Vem, que acontece na Sala Walter da Silveira, a partir desta quinta-feira (28 de fevereiro), celebra o ator de O Regresso, filme do mexicano Alejandro González Iñárritu  que concorre a 12 estatuetas. Indicado pela quinta vez ao prêmio de melhor ator, DiCaprio concorre este ano com Bryan Cranston (Trumbo – A Lista Negra), Michael Fassbender (Steve Jobs), Eddie Redmayne (A Garota Dinamarquesa) e  Matt Damon (Perdido em Marte). É um dos favoritos. Mas enquanto O Regresso não estreia, fiquemos com os cinco filmes da Walter: Titanic, Ilha do Medo, Prenda-me se for Capaz e Romeu e Julieta. As exibições são sempre às 15h e os ingressos custam R$ 2.

Programação:

Quinta-feira, 28
Titanic  (Titanic, EUA, 1997)
Direção: James Cameron
Duração: 194 min.
Elenco: Leonardo Di Caprio, Kate Winslet e Bill Paxton
Classificação: 12 anos
Sinopse – Jack Dawson (Leonardo DiCaprio) é um jovem aventureiro que, na mesa de jogo, ganha uma passagem para a primeira viagem do transatlântico Titanic. Trata-se de um luxuoso e imponente navio, anunciado na época como inafundável, que parte para os Estados Unidos. Nele está também Rose DeWitt Bukater (Kate Winslet), a jovem noiva de Caledon Hockley (Billy Zane). Rose está descontente com sua vida, já que sente-se sufocada pelos costumes da elite e não ama Caledon. Entretanto, ela precisa se casar com ele para manter o bom nome da família, que está falida. Um dia, desesperada, Rose ameaça se atirar do Titanic, mas Jack consegue demovê-la da ideia. Pelo ato ele é convidado a jantar na primeira classe, onde começa a se tornar mais próximo de Rose. Logo eles se apaixonam, despertando a fúria de Caledon. A situação fica ainda mais complicada quando o Titanic se choca com um iceberg, provocando algo que ninguém imaginava ser possível: o naufrágio do navio.

Sexta-feira, 29
Ilha do medo  (Shutter Island, EUA, 2010)
Direção: Martin Scorsese
Duração: 138 min.
Elenco: Leonardo Di Caprio, Mark Ruffalo, Michelle Williams e Ben Kingsley Classificação: 14 anos
Sinopse – Em 1954, no auge da Guerra Fria, o detetive americano Teddy Daniels e seu parceiro Chuck Aule são levados para Shutter Island, local que abriga o impenetrável Hospital Psiquiátrico Ashecliffe, a fim de investigar o misterioso desaparecimento de uma assassina. Enquanto uma tempestade se aproxima, as suspeitas ficam cada vez mais assustadoras. Dentro de um hospital assombrado pelas terríveis atitudes passadas de seus pacientes e pelos planos desconhecidos de seus médicos, Teddy começa a perceber que, quanto mais se aprofunda na investigação, mais é forçado a encarar alguns de seus piores temores. E entende que pode nunca sair vivo da ilha.

Sábado, 30
Prenda-me se for Capaz (Catch me If You Can, EUA, 2002)
Direção: Steven Spielberg
Duração: 141 minutos
Elenco: Leonardo Di Caprio, Tom Hanks e Christopher Walken.
Classificação: 12 anos
Sinopse – Frank Abagnale Jr. (Leonardo DiCaprio) já foi médico, advogado e co-piloto, tudo isso com apenas 18 anos. Mestre na arte do disfarce, ele aproveita suas habilidades para viver a vida como quer e praticar golpes milionários, que fazem com que se torne o ladrão de banco mais bem-sucedido da história dos Estados Unidos com apenas 17 anos. Mas em seu encalço está o agente do FBI Carl Hanratty (Tom Hanks), que usa todos os meios que tem ao seu dispor para encontrá-lo e capturá-lo.
Domingo, 31
Romeu e Julieta (Romeo + Juliet, JAP/ING/NZE, 1983)
Direção: Baz Luhrmann
Duração: 120 minutos
Elenco: Leonardo DiCaprio, Claire Danes e John Leguizamo.
Classificação: 14 anos
Sinopse – Nesta versão para os dias de hoje da peça de Shakespeare o cenário é Verona Beach. Os Capuleto e os Montéquio, duas famílias que sempre se odiaram, têm rixas sem cessar, mas isto não impede que Romeu (Leonardo DiCaprio), um Montéquio, se apaixone pela bela Julieta (Claire Danes), uma Capuleto. Entretanto, uma apresentadora de televisão anuncia que este amor profundo acabará gerando trágicas conseqüenciais, em virtude desta insana rivalidade familiar.