Caverna dos Sonhos Perdidos, Além das Montanhas e A Hora Mais Escura são os destaques entre as estreias

Caverna dos Sonhos Perdidos - pontocedecinema.blog.br

Caverna dos Sonhos Perdidos, do alemão Werner Herzog, transcende o conceito de documentário

Três importantes estreias dominam o circuito soteropolitano.

Um dos indicados ao Oscar, A Hora Mais Escura, de Kathryn Bigelow, narra a caçada a Osama bin Laden, depois do ataque às Torres Gêmeas, no 11 de Setembro, Além das Montanhas, do romeno Cristian Mungiu, que ganhou o prêmio de melhor roteiro e melhor atriz no Festival de Cannes do ano passado, e Caverna dos Sonhos Perdidos, do alemão Werner Herzog, uma produção que, como poucas, justifica a utilização do 3D.

O destaque é mesmo Caverna. Werner Herzog mostra o resultado da expedição que acompanhou, como único autorizado, à caverna Chauvet, na França, acessível apenas a um grupo de pesquisadores que se dedicam a estudar a arte rupestre encontrada ali. Figuras em profusão pintadas há 30 mil anos, que permaneceram inéditas até os anos 90, quando a caverna foi descoberta e logo fechada à visitação pública.

Filmado em um 3D providencial, o filme transcende o conceito de documentário para se situar em uma investigação sobre a natureza humana e seu limite (inesgotável) de criação. Aliás, Herzog não nega sua veia autoral, impondo-se a superação de limites.

Foi sempre assim. Em Aguirre – A Cólera dos Deuses (1972), inspirou-se na expedição espanhola enviada no século XVI por Gonzalo Pizarro em busca de El Dorado, na América do Sul, para fazer um ensaio desesperado sobre o homem confrontado em um ambiente hostil.

Em Fitzcarraldo (1981), conta a saga do aventureiro Brian Sweeney Fitzgerald, que se embrenha pela selva em um barco a vapor para construir um teatro de ópera em plena Amazônia peruana.

Ele mesmo, Herzog, um destemido (levou equipe e material de filmagem mata adentro, com sua embarcação), revelou-se, ali, um mestre do gesto insano, dos personagens que lutam pela causa impossível.

Mas nunca, na tela, o cineasta mostra-se desorientado. Como se vê nesse deslumbrante Caverna dos Sonhos Perdidos.

#Leia a seguir as sinopses, conforme enviadas pelos exibidore, e veja os trailers dos filmes. Para saber mais sobre as estreias e pré-estreias, os filmes que continuam em cartaz, exibições e mostras especiais, além do horário, consulte Em cartaz, ao lado.

ESTREIAS

A HORA MAIS ESCURA (Zero Dark Thirty)
De Kathryn Bigelow. EUA, 2012. 14 anos. Com Jessica Chastain, Jason Clarke e Joel Edgerton. Os ataques terroristas sofridos pelos Estados Unidos em 11 de setembro de 2001 deram início a uma época de medo e paranoia do povo americano em relação ao inimigo, onde todos os esforços foram realizados na busca pelo líder da Al Qaeda, Osama bin Laden. Maya é uma agente da CIA que está por trás dos principais esforços em capturar Laden, por ter descoberto os interlocutores do líder do grupo terrorista. Com isso ela participa da operação que levou militares americanos a invadir o território paquistanês, com o objetivo de capturar e matar bin Laden.

ALÉM DAS MONTANHAS (Dupa Dealuri)
De Cristian Mungiu. Romênia/ Bélgica/ França, 2012. Drama. 12 anos. Com Cosmina Stratan, Cristina Flutur, Valeriu Andriuta, Dana Tapalaga. O reencontro de duas jovens, que se amaram enquanto foram criadas num orfanato, choca com os valores do cristianismo ortodoxo na clausura de um mosteiro. Festival de Cannes 2012: prêmios de melhor atriz para Cosmina Stratan e Cristina Flutur, e melhor roteiro.

AS SESSÕES (The Sessions)
De Ben Lewin. EUA, 2012. 16 anos. Com John Hawkes, Helen Hunt e William H. Macy. Mark O’Brien é um escritor e poeta que, ainda criança, contraiu poliomielite. Devido à doença ele perdeu os movimentos do corpo, com exceção da cabeça, e precisa passar boa parte do dia dentro de um aparelho apelidado de “pulmão de aço”. Mark passa os dias entre o trabalho e as visitas à igreja, onde conversa com o padre Brendan, seu amigo pessoal. Sentindo-se incompleto por desconhecer o sexo, Mark passa a frequentar uma terapeuta sexual. Ela lhe indica os serviços de Cheryl Cohen Greene, uma especialista em exercícios de consciência corporal, que o inicia no sexo.

CAVERNA DOS SONHOS ESQUECIDOS 3D(Cave Of Forgotten Dreams)
De Werner Herzog. França/ EUA/ Reino Unido/ Canadá/ Alemanha, 2010. Livre. Com um acesso sem precedentes e superando desafios técnicos consideráveis, Werner Herzog capturou em 3D o interior da Caverna Chauvet, no sul da França, onde foram descobertos centenas de desenhos rupestres em 1994. O diretor revela um mundo subterrâneo impressionante, com pinturas que têm em média 32 mil anos de idade.

DE CORAÇÃO ABERTO (À Coeur Ouvert)
De Marion Laine. França/Argentina, 2012. Casados há dez anos, cirurgiões nutrem a paixão pela profissão e um pelo outro, porém a relação perde equilíbrio com a gravidez inesperada da esposa.

PRÉ-ESTREIAS

O AMANTE DA RAINHA (En Kongelig Affære)
De Nicolaj Arcel. Dinamarca/ Suécia? República Tcheca. Drama. 14 anos. Jovem rainha da Dinamarca apaixona-se secretamente pelo médico da realeza. Juntos, eles iniciam uma revolução capaz de transformar uma nação para sempre. Festival de Berlim 2012: Urso de Prata de Melhor Ator (Mikkel Boe Følsgaard) e Melhor Roteiro. Também foi indicado ao Urso de Ouro de Melhor Filme.