Wajda é um dos destaques do Festival de Cinema de Salvador

O Homem de Mármore - pontocedecinema.blog.br

O Homem de Mármore, um dos grandes filmes do polonês Andrzej Wajda, integra a mostra do Circuito SaladeArte

O Circuito SaladeArte divulga a programação da 7º Festival Internacional de Cinema de Salvador, que movimenta o Cinema do Museu, o Cinema da Ufba e o Cine XIV durante 15 dias, de amanhã (11/11) a 24/11.

Uma mostra dedicada ao cineasta polonês Andrzej Wadja e a primeira exibição, em Salvador, do filme Isto Não É Um Filme, dos iranianos Jafar Panahi e Mojtaba Mirtahmasb, estão entre os destaques da programação. Com o tema De Olho no Mundo, o festival homenageia o criador da Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, Leon Cakoff, que morreu em outubro.

Um dos grandes cineastas da Polônia, senão o maior, Wajda, hoje com 85 anos de idade e em plena atividade, tem 11 filmes em exibição que formam um painel bem abrangente de sua obra e da história social e política da Polônia. De Os Inocentes Charmosos (1960) a A Vingança (2002), passando por O Homem de Mármore (1976), A Senhorita de Wilko (1979) e O Maestro (1980), entre seus filmes mais conhecidos.

O iraniano Jafar Panahi, que nos apresenta Isto Não É Um Filme, está preso no Irã desde março do ano passado e teve condenação de seis anos confirmada pelo tribunal de recurso, por “atividades contra a segurança nacional e propaganda contra o regime”. Ele também está proibido de viajar, de dar entrevistas e realizar filmes durante 20 anos. Isto Não É Um Filme, feito em parceria com Mojtaba Mirtahmasb, retrata a rotina do diretor perseguido pelo governo de Mahmoud Ahmadinejad.

Veja a programação completa do 7º Festival Internacional de Cinema de Salvador.

Assista ao trailer de Isto Não É Um Filme.